“Não podemos ter uma sociedade segura sem um ambiente seguro”

07/05/2012 12:53

“Não podemos ter uma sociedade

segura sem um ambiente seguro”

Entrevista com o coordenador de Assuntos Internacionais

da Liga Mundial de Advogados Ambientalistas, Efraín Peña.

FSE

De 9 a 11 de maio, a cidade de Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, sedia o 1º Fórum Social Empresarial com o objetivo de promover a importância da responsabilidade social e ambiental no desenvolvimento sustentável e na competitividade das empresas. O evento prevê palestras e atividades de formação e capacitação com especialistas internacionais, mostra de cases, intercâmbio de experiências e rodadas de negócios.

O coordenador de Assuntos Internacionais da Liga Mundial de Advogados Ambientalistas, Efraín Peña, que também é consultor do Banco Interamericano de Desenvolvimento- BID sobre Eficiência Energética e Mudanças Climáticas traz para o FSE a temática da Pegada Ecológica Corporativa e a Justiça Ambiental.

Nesta entrevista, Efraín Peña antecipa algumas ideias sobre a responsabilidade ambiental que vai expor e debater com os participantes do 1º FSE.

 

FSE - Como você avalia os possíveis efeitos da responsabilidade ambiental nas empresas e comunidades?

Efraín Peña - Atualmente as empresas estão muito mais conscientes de que a sua performance em relação ao seu impacto sobre o meio ambiente e a sociedade tornou-se um aspecto crítico para medir o seu desempenho global e sua capacidade de continuar operando no mercado de forma eficaz. Para nós, a maneira perfeita de medir o seu desempenho é através do cálculo da Pegada Ecológica Corporativa - PEC (em inglês CEF). Ao calcular a PEC, a empresa pode avaliar os seus próprios processos e melhorá-los, a fim de reduzir sua PEC e seu impacto sobre o meio ambiente e a sociedade.

 

FSE - Você acredita que uma empresa pode se tornar mais próspera e socialmente responsável através de um envolvimento direto na proteção do meio ambiente?

Efraín Peña - Para a Liga Mundial de Advogados Ambientalistas não há dúvida de que, para ser socialmente responsável, a empresa deve tornar-se amiga do meio ambiente, reduzindo a sua própria pegada ecológica. Este deve ser o ponto de partida de todas as iniciativas de Responsabilidade Social Empresarial. Posteriormente, outras iniciativas para com a comunidade têm que ser efetivadas, mas temos que ter sempre em mente que, sem um ambiente seguro, não podemos ter uma sociedade segura.

Ao reduzir a sua pegada ecológica, a empresa estará envolvida em economias ambientais, como a redução do uso da energia e da água. Também realizará mudanças mais elaboradas em alguns processos que visem uma produção mais limpa e que representarão ganhos no futuro de curto prazo.

 

FSE - Que caminhos o senhor recomenda para efetivar este processo?

Efraín Peña - No nosso ponto de vista, o processo para se tornar ambientalmente amigável e reduzir a pegada ecológica deve ser fundamentado na ISO 26000. Como todos sabemos, a ISO 26000 não é uma norma de sistema de gestão e se destina a ajudar as organizações a contribuir para o desenvolvimento sustentável. Um aspecto central disso é os resultados em termos de redução da pegada ecológica. A ISO 26000 também não é destinada para fins de certificação ou de uso regulamentar ou contratual. Portanto, a fim de evitar pontos fracos neste processo, é necessário alterar o paradigma comum nas certificações e rejeitar qualquer tentativa de certificação por agências ou organismos governamentais. Isto porque, o foco das certificação por conformidades apenas no papel podem ser alteradas ou não serem reais. Com a implementação da ISO 26000, a redução da PEC se torna real.

Como sugestão, o Comité Científico deste Fórum deverá desenvolver diretrizes que as empresas devem seguir para se tornarem mais amiga do ambiente e estabelecer uma forma fácil de reunir informações de acompanhamento sobre a redução da pegada ecológica e de como melhorar o desenvolvimento ambiental da empresa.

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!