Comunidade Quilombola de Salgado/Pontes tem fonte de água envenenada por fazendeiros

29/12/2011 17:29

Comunidade Quilombola de Salgado/Pontes

tem fonte de água envenenada por fazendeiros

Eduardo Correa/Racismo Ambiental

Conforme esta Comissão de Direitos Humanos da OAB/MA tem denunciado, a situação de violência contra a comunidade Quilombola de Salgado/Pontes, município de Pirapemas, Maranhão, aumenta a cada dia, e fatos ocorridos hoje dão conta da brutal opressão que os quilombolas estão sofrendo.

Na manhã  14.12.2011, por volta de 6:00 horas, o sr. José da Cruz, líder quilombola, encontrou, com outros trabalhadores, vasilhame de veneno dentro do poço utilizado pela comunidade. A intenção era uma só: matar, por envenenamento, os trabalhadores quilombolas ou causar grande males à saúde da comunidade!

 

Esse fato ocorreu dois dias após a ida do Delegado Agrário à área do conflito, depois de dias de telefonemas, e-mails etc, denunciando que o fazendeiro Ivanilson Pontes de Araújo, que comanda essas ações, havia contratado dois homens armados, que ficam rondando a comunidade de forma ostensiva.

 

Lembramos que na semana passada 18 animais do Sr. José da Cruz foram abatidos por envenenamento. E, no domingo, dia 11, o fazendeiro Ivanilson afirmou, em forte discussão com outra liderança quilombola (José Patrício), que o destino das famílias seria o mesmo dos animais. A ameaça foi confirmada hoje, com o envenenamento da fonte de água da comunidade de Salgado/Pontes.

 

É fundamental que nos unamos para denunciar esse estado de coisas absurdo e exigir um ponto final para esta situação trágica, que já dura 29 anos!!

Comissão de Direitos Humanos da OAB e Renap Maranhão.

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!