Fundação Tide Setubal lança publicação

14/09/2010 19:02
Fundação Tide Setubal

lança publicação

Cidadania Viva retrata o trabalho de 22 ONGs de São Miguel Paulista

 

 


A Fundação Tide Setubal lança o livro Cidadania Viva: Práticas Socioeducativas em São Miguel Paulista nesta terça-feira, 14, no CDC Tide Setubal, na zona leste de São Paulo (SP). A publicação retrata a atuação de 22 organizações sociais situadas na área de abrangência da Subprefeitura de São Miguel (distritos de São Miguel, Vila Jacuí e Jd. Helena), apresentando suas diferentes práticas socioeducativas desenvolvidas no território.

O Cidadania Viva relaciona-se a um dos princípios norteadores da Fundação Tide Setubal: a valorização das experiências da comunidade de São Miguel Paulista. Representa ainda mais um passo na promoção do desenvolvimento local sustentável, ao incentivar e fortalecer a rede de apoio ao cidadão, bem como cada uma das organizações. “Com a disseminação do trabalho das entidades de São Miguel, esperamos inspirar, encorajar e estimular as instituições locais a oferecerem seu saber e suas práticas em rede, bem como a buscarem aprender com aqueles que atuam na mesma localidade”, relata Maria Alice Setubal, presidente do conselho da Fundação Tide Setubal, na apresentação do livro.

Segundo Beatriz Lomonaco, coordenadora do Núcleo de Estudos e Gestão do Conhecimento, responsável pelo projeto editorial, para dar visibilidade aos atores da comunidade, buscou-se identificar e apresentar as práticas socioeducativas. A intenção do livro não é avaliar as ações, mas apontar os pontos fortes e os desafios. “Estamos gerando conhecimentos e fazendo circular experiências de instituições que estão no mesmo território onde trabalhamos”, comenta. Para retratar essas experiências em uma publicação com fotos e dados de cada organização, profissionais da Fundação conheceram de perto os projetos, visitando as entidades e conversando com as equipes e os beneficiados pelas práticas. Além do critério geográfico, a coordenação editorial considerou o relato de moradores e lideranças que reconhecem a relevância da entidade para comunidade e tempo de atuação das organizações no território.

Um ponto em comum entre as organizações selecionadas para o livro é o trabalho socioeducativo, ou seja, a prática sistemática e planejada que busca o desenvolvimento do indivíduo pela educação e cultura. Há organizações que têm como público-alvo crianças e adolescentes, enquanto outras trabalham com adultos ou idosos. Independentemente da faixa etária, o propósito é semelhante: promover a cidadania e a melhoria da qualidade de vida dos moradores da região.

Na leitura, é possível perceber o quanto essas organizações conhecem profundamente os problemas do local onde se situam e das pessoas que atendem. Parte delas, além de desenvolver a prestação de serviços relacionados à educação, cultura e saúde, atua pela garantia de direitos, incentivando a mobilização da comunidade e reivindicando políticas públicas. “Ao trazer o retrato dessas entidades, queremos contribuir e estimular a troca de saberes em rede. Elas podem se unir para encaminhamentos conjuntos e terem conquistas mais amplas”, comenta a coordenadora do Núcleo de Estudos e Gestão do Conhecimento. Essa iniciativa exemplifica o trabalho de apoio que a Fundação Tide Setubal procura realizar com as ONGs locais.

Para ampliar o intercâmbio entre as 22 organizações inclusas na publicação, a Fundação Tide Setubal promoverá, no dia do lançamento, uma oficina especial Encontros em São Miguel. Em seguida, as entidades e o público em geral poderão participar de um debate. O tema será: “O papel das ações locais para a educação integral no território”, com mediação de Paula Galeano, coordenadora geral da Fundação Tide Setubal. Os convidados são: • Maria Aparecida Pavão, supervisora de Assistência Social da Prefeitura de São Paulo; • Padre Ticão, integrante do Movimento Nossa Zona Leste, líder comunitário com trabalhos na região desde 1978; • Eloisa de Blasis, consultora do CENPEC (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária) e pedagoga. Cidadania Viva: Práticas Socioeducativas em São Miguel.

Mais informações: (11) 3168-3655.

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!