Projeto brasileiro de inclusão digital será aplicado em Moçambique

19/10/2011 19:32

 

Projeto brasileiro de inclusão digital será aplicado em Moçambique

OTM

Google imagens
A Fundação Vale e a Odebrecht, em parceria com a Microsoft Brasil, Hewlett-Packard (HP) e a companhia de Transporte Aéreo Portuguesa – TAP, lançam o projeto de inclusão digital ‘Caia na Rede’, em Moatize, Moçambique. A iniciativa consiste na montagem de ambientes com computadores ligados à internet e impressoras, em salas de aula, centros comunitários e laboratórios de informática. No espaço, serão aplicados conteúdos formativos e informativos adaptados aos perfis das comunidades beneficiadas.
 
Em Moatize, serão inaugurados três postos, localizados no canteiro do Projeto Carvão Moatize, da Vale, na Escola Secundária Armando Emílio Guebuza e no Colégio Dom Bosco. A ação atenderá jovens da comunidade, moradores da área de reassentamento e funcionários do canteiro de obras do empreendimento. A previsão é que até ao final de 2011, pelo menos 1.500 pessoas tenham sido beneficiadas. Em Cateme, vivem cerca de 700 famílias reassentadas no âmbito do projecto Carvão Moatize.
 
A proposta pedagógica do Programa Caia na Rede inclui dois módulos, sendo um básico, voltado para a alfabetização digital e outro focado na utilização de serviços online e programas do sistema Office. O curso conta com metodologia da Microsoft, sem a necessidade de professores, mas com monitores voluntários. Ao todo, o curso tem duração de dois meses e carga horária de 32 horas.
No Brasil, o Projeto Caia na Rede já beneficiou mais de 10 mil pessoas e, atualmente, está em 18 obras da Odebrecht. A iniciativa tem como meta atender 22.500 nacionalmente.

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!