Até 25/09 - Curta Canoa 2010 - Um festival latino Americano de Curtas

25/09/2010 18:30

VI Curta Canoa 2010

 

Um Festival Latino-americano em Canoa Quebrada

Aquarela da natureza, exuberante, hospitaleira, antiga vila de pescadores descoberta e popularizada pelo movimento Hippie dos anos 60 e 70 e também turistas de outras regiões, Canoa Quebrada agora é o mais belo cenário de um dos maiores festivais de cinema do Brasil.

Rádio Canoa FM

 

Em sua sexta edição o Curta Canoa vem marcar o seu lugar na praia e mostrar a partir de uma perspectiva de revelação técnica, linguagem e principalmente originalidade, a força da nossa identidade latino-americana através das telas.

E assim o CURTA CANOA exibe durante uma semana inteira obras audiovisuais em vídeo e película com acessos totalmente gratuitos para o público geral.
 
O VI Curta Canoa começou dia 18 e prossegue até o dia 25, com foco no lançamento de projetos de produção de filmes pelos próprios moradores da região.


Programação

Dia 18, começaram as oficinas. Das 14h às 18h, da sexta feira a cineasta cearense de Aracati, Michelline Helena ministrou a Oficina de Roteiro, no auditório da ASDECQ.


O cortejo cultural Canoa Criança abriu o evento,  com uma retrospectiva do Curta Canoa. Lúcia Sena, da cidade de Aracati, foi a homenageada por sua visão de mulher empreendedora da Região. E houve exibição especial do filme Porque as Coisas São Assim, da cineasta Michelline Helena, terminndo a programação com o lançamento do projeto Canoa Faz Cinema.


Domingo - 19/09 -  Pré-estreia do filme Acabou-se, da cineasta Patrícia Baía, com várias tomadas na praia de Canoa Quebrada, e a exibição especial Timóteo, Política e Paixão, do cineasta paulista Nelson Hoineff.


Às 19h30, foi a vez da Mostra Competitiva de vídeos e filmes:


Na categoria de VÍDEOS:

Filhos de Reis (CE), de Eduardo Oliveira; Do Morro (PE), de Mykaela Plotkine e Rafael Montenegro; Sobre Vidas (PB), de Deleon Souto; Ô (PE), de Marcelo Coutinho; Boa Noite Alice (CE), de Carlos Arthur e Henrique Oliveira; Um Vestido para Lia (AL), de Hermano Figueiredo e Regina Barbosa; Menina da Chuva (RJ), de Rosaria. 


Na categoria de FILMES:

Vela ao Crucificado (MA), de Frederico Machado; Fractais Sertanejos (CE), de Heraldo Cavalcanti; Jardim Beleleu (SP), de Ari Candido Fernandes; e Segunda Chance (CE), do cineasta José Eugênio da Costa Neto.


Segunda-feira - 20/09 - Oficina de Animação, das 8h às 12h, com os cineastas Joaquim Eufrasino Neto (BABA) e André Dias, no Núcleo de Animação de Cinema de Aracati, que funciona no Casarão Cultural Dr. Valdir Menezes e a Mostra Infantil a partir das 18h. 


Mostra Competitiva, a partir das 19h30, no Polo de Lazer de Canoa Quebrada. Na tela, a exibição dos VÍDEOS: Camila e o Espelho (BA), de Amadeu Alban; Os Anjos do Meio da Praça (SP), de Ale Camargo e Camila Carrossine; Matando a Fome (CE), de Franciolli Luciano; Olhar de João (GO), de Mariley Carneiro; Leônia – Uma Cidade Invisível (SP), de Márcia Correa, Mercedes Guarnier e Rodrigo Campos; 7:30 (RJ), de Bruno Laet; e O DJ do Agreste (AL), de Regina Célia Barbosa. E na categoria FILMES: Ave Maria ou Mãe dos Sertanejos (PE), de Camilo Cavalcante; Pão com Mortadela (SP), de Marcos Mello e Georgina de Castro; O Filme mais Violento do Mundo (MG), de Gilberto Scarpa; e Quando a Chuva Chegar (PA), de Jorane Castro.


Terça-feira - 21/09, continuam  as oficinas e retrospectivas do festival. Às 19h30min, a Mostra exibe mais 07 (sete) VÍDEOS: Bucaneiro (RJ), de Juliana Milheiro; Cheirosa (MG), de Carlos Segundo; Todos São Francisco (CE), de Nany Oliveira; Garoto Barba (PR), de Christopher Faust; Inverno (RJ), de Mikael Santiago; Ao Meu Pai com Carinho (SP), de Fausto Noro; Reminiscências (PR), de Augusto Canani. Nesta noite, mais 04 (quatro) FILMES serão exibidos na Mostra Competitiva: Quando as Cores Somem (SP), de Luciano Largares; Senhoras (DF), de Adriana Vasconcelos; O Som do Tempo (CE), de Petrus Cariry; Amigos Bizarros do Ricardinho (RS), de Augusto Canani.


Quarta-feira - 22/09 -  às 18h, a garotada pode se deslocar para o Polo de Lazer para assistir mais filmes da Mostra Infantil.

Pela Mostra Competitiva, a partir das 19h30min, vão passar os VÍDEOS: A Língua das Coisas (RJ), de Alan Minas; Crisálidas (SC), de Lígia Maciel Ferrer; Um Animal Menor (RS), de Pedro Harres e Marcos Contreras; Desbravadores de Caminhos (DF), de ZDPR e Betânia Victor; Reencontro (SP), de Fábio Lupo; O Retorno de Saturno (RS), de Lisandro Santos. Na categoria FILMES: Revertere Ad Locum Tuum (MG), de Armando Menz; Ao Vivo (GO), de Peppe Siffredi e Antônio Guerreiro; Homem-Bomba (RJ), de Tarcisio Lara Puiati; A Menina Metalinguística e o Garoto Melancólico (MG), de Guga Caldas; O Bailarino e o Bonde (SP), de Rogério Nunes.


Quinta-feira - 23/09 -  a partir das 19h30, a Mostra Competitiva exibirá os VÍDEOS: Silêncio por favor (RS), de Filipe Matzembacher; Sonho de Valsa (SP), de Beto Besant; Áurea (RJ), de Zeca Ferreira; O Pescador e Sereia (CE), de Arnaldo Lima; Na Casa ao Lado (DF), de Naiara Rimoli; O Oitavo (PR), de Estevan Silveira; Depois da Pele (RS),  de Márcio Reolon e Samuel Telles. E os FILMES: Aos Pés (RS), de Zeca Brito; Ensaio de Cinema (RJ), de Allan Ribeiro; O Divino, De Repente (SP), de Fábio Yamaji; Los minutos Las Horas (CE), de Janaína Marques; Cinemaieutica (SC), de Rodrigo Brum.


S
exta-feira - 24/09 -  das 8h às 12h, mais uma rodada de oficina e imagens no telão das últimas edições do Curta Canoa. 

À noite, um momento literário. Às 18 horas, acontece o lançamento do livro “Cangaço no Cinema Brasileiro”, do escrito Marcelo Dídimo.

Já às 19h30, está marcado o início da Mostra Competitiva com os VÍDEOS: Aos Mortos de Morte Morrida (CE), de Sidnéia Luzia; Pronta Entrega (RJ), de André Migueis; Enciclopédia (RS), de Bruno Gularte Barreto; Meu Avô e Eu (SP), de Caue Nunes; Simpatia de Limão (RJ), de Miguel de Oliveira; Dona Militana – A Romaceira dos Oiteiros (SP), de Hermes Leal.

Já os FILMES são: Cortejo Negro (RS), de Diego Muller; Teresa (SP), de Paula Szutan e Renata Terra; ZÉ[S] (RJ), de Piu Gomes; e Bala na Cabeça (MG), de Cristiano Abud.


Sábado - 25/09 -  a partir das 10 horas, o festival estará na cidade de Aracati, onde haverá cortejo com os bonecos do Mestre Hélio e queima de fogos durante o lançamento do Núcleo de Animação – ANIMARACA.

Depois o evento volta para Canoa Quebrada, às 19h30, no Polo de Lazer, onde presta uma homenagem ao senhor Josiel Pereira, professor de educação física, detentor de vários títulos de campeão de capoeira e conhecido nacionalmente como o mestre Dody da Capoeira.

Logo em seguida, no espaço do pólo, algumas atrações culturais do município de Aracati/CE.


O encerramento será com dois filmes de cunho social: A Noite por Testemunha, do brasiliense Bruno Torres, sobre o grupo de jovens que assassinou um índio pataxó em 1997 e Um Louco na Praça (CE), de Régis Brasileiro.

Logo após, serão divulgados os vencedores do festival 2010.


A 6ª edição do Festival Curta Canoa tem como patrocinadores: BNB, COELCE e FAZAUTO. Apoio Cultural: CTAV - Centro Técnico Audiovisual, SEBRAE/CE, ISACC, Prefeitura Municipal de Aracati e Asdecq.

É uma realização da J. A. Lima Produções.

Fonte: ASDEC - Associação dos Empreendedores de Canoa Quebrada

 

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!