15º MANIFESTA HIP HOP

17/05/2010 17:25

Hip Hop

15º MANIFESTA HIP HOP

 

 

EXPRESSÃO DA CULTURA HIP HOP DO ALTO TIETÊ

 

PRODUÇÃO – CURADORIA DO HIP HOP MOGI

DIREÇÃO - CURADORIA DO HIP HOP MOGI


 3 DE ABRIL  19 HORAS 

THEATRO VASQUES

MOGI DAS CRUZES - SÃO PAULO

O Manifesta

  


 

A idéia de produzir O MANIFESTA HIP HOP surgiu no final de 2005. Com a realização de vários eventos da Cultura HIP HOP, nas praças da cidade de Mogi das Cruzes, a partir do sucesso de público desses eventos e da rápida mobilização para realizá-lo, os agentes de cultura do governo municipal entenderam que não poderiam deixar toda essa comunidade marginal ao processo de desenvolvimento cultural que buscavam implementar.


 

O então Coordenador de Cultura de Mogi das Cruzes, Adamilton Andreucci, lançou um desafio para que a comunidade se organizasse em torno de um projeto cultural que ocupasse novos espaços. Nasceu assim o projeto MANIFESTA HIP HOP, com a proposta de reunir a comunidade em eventos auto gestionados que se ampliaram a cada edição. O primeiro teve duração de 4 horas, o segundo de 6 horas, o terceiro 12 horas, e finalmente o grande desafio: 24 horas de atividades no palco.


 

Em todas as suas edições, o Manifesta conseguiu lotar o Theatro, sendo que na edição 24 Horas, teve um público estimado em 2.000 pessoas. Conseguimos vencer o desafio de: congregar num mesmo espaço todos os elementos da CULTURA HIP HOP do município; trazer representantes de outras cidades; promover de forma democrática o intercâmbio cultural e a interação dos grupos e; promover o fortalecimento da cultura hip hop de Mogi das Cruzes.


 

Durante os eventos, apresentam-se no palco do teatro em torno de 200 artistas profissionais e amadores. São Djs, Mc's, Raper's, B boys e grafiteiros, sendo esses últimos responsáveis pelo cenário e exposições. A ampla divulgação junto às escolas, universidades e casas noturnas, permitiu alcançar um novo público, transformando o evento numa tradição na cidade.


 

O ManiFESTA Hip Hop, não é um show, não é um evento, é mais que isso, é um Movimento. Um Movimento que vem dar voz aos jovens da periferia que acreditam e querem um mundo melhor, igualitário e justo, onde todos se percebam como iguais em direitos e deveres, onde as relações se pautem pela ética e pelo respeito, e onde os interesses coletivos prevaleçam sobre os individuais.


 

Realizamos 14 edições do Manifesta no teatro, apresentações nas praças e eventos oficiais da cidade, além de dois fóruns de discussão: o I Fórum de Discussão com o tema “Hip Hop e violência, estratégia ou conseqüência”, em 2007 e o II Fórum de Discussão aconteceu dentro da semana da consciência negra com o tema “A Cor do Som”.


 

A 15.ª edição do MANIFESTAHIP HOP vem sendo produzida de forma totalmente independente do poder público, com a participação de outras expressões da cultura popular da cidade. Em todas as edições, o Manifesta trouxe uma linguagem artística diferente para interagir com a cultura Hip Hop, desta vez, a “Orquestra de Violas de Mogi das Cruzes” apresentará o resultado a oficina “RAP e Viola” com criações que misturam os dois gêneros numa verdadeira antropofagia musical.

Fonte: http://mogimanifestahiphop.webnode.com.pt/

 

 

 

 

ATO- SHOW HIP-HOP CONSCIENTE

  

CONTRA O EXTERMINIO DA JUVENTUDE.

 

DIA 21 DE MARÇO A PARTIR DAS 14H00

 

LOCAL: ESPAÇO CULTURAL DA “FALA NEGÃO”

 

Cohab II- Travessa da Leôncio Gurgel, ao lada da feira de 5ª, Bar do Coroa FC.

 

14h00 - filme e debate sobre o tema: Com  Raper Pirata, Poetas do NEGRAFIAS

 

16h00 - SHOW: Filhos de Obaluaê, Facção X,  Raper Pirata, DJ.

 

Donizetti,Fantasmas Vermelho, Central Brasileira do Flaw,  Branco Soul (Kilatroz),

 

participação especial SLICK